top of page

Movimentos que lhe podem salvar as costas - Parte 3 de 4

Atualizado: 5 de ago. de 2022

O mês de Março tem sido dedicado a ensinar-lhe movimentos que podem ajudá-la(o) a proteger as suas costas, e evitar aquelas dores que a(o) impedem de desfrutar com prazer os bons momentos da vida.

Diariamente, a sua coluna lombar é sujeita a múltiplos stresses que criam micro-deteriorações na sua estrutura. O acumular das mesmas, sem o descanso adequado, pode causar um stress mecânico crónico, responsável pela sua progressiva degeneração, e consequentemente dores lombares. Estas podem ser evitadas se prevenirmos com uma higiene diária da coluna, a qual inclui posturas adequadas, movimento ajustado e frequente, ajustamentos quiropráticos regulares, e uma hidratação adequada.

Nesta série de posts vamos dedicar-nos à postura dinâmica em tarefas que são muito frequentes no seu dia-a-dia. Neste número vamos explorar como uma pequena alteração na posição pode facilitar-lhe apanhar objetos do solo, com tamanhos diferentes. Provavelmente, uma das ações articulares que mais contribui como gatilho para deteriorar os discos intervertebrais, levando a hérnias discais, é a flexão da coluna associada a rotação da mesma, sem uma "guarda" muscular adequada. O posicionamento do seu tronco para levantar algo do solo solo é crucial, independentemente do peso do objeto, pois o seu tronco tem um peso associado ao mesmo. Esta postura, usa como base um exercício tipicamente treinado no ginásio, o lunge.


Lunging a partir do Solo



Esta postura facilita:

  • Baixar-se para alcançar algo no solo, mesmo que seja um objeto leve (veja a imagem seguinte).


  • Baixar-se para facilitar alcançar e levantar algo pesado solo, usado predominantemente os potentes músculos dos membros inferiores, enquanto mantém a coluna lombar na posição neutra, preservando a mesma (veja a imagem seguinte). Ao levantar-se, procure manter o objeto o mais junto do seu corpo possível. Esta ação permite diminuir o braço de alavanca, ganhando eficiência mecânica, forçando menos as costas.



  • A utilização desta posição não se limita a facilitar-lhe a vida quando apanha objetos do solo. Pode adota-la para atar os sapatos, por exemplo.


Saber apanhar e levantar objetos do solo, seja em sua casa ou no local de trabalho, pode salvar-lhe o dia.


O papel do quiroprático não termina no ajustamento, e muito menos no consultório. A educação do paciente é um aspeto fundamental da profissão. Confie no seu quiroprático, para a(o) ajudar a aumentar a resiliência da sua coluna, pois esta esta é fundamental para a sua saúde em geral e para aproveitar o máximo da sua vida.


Seja ajustada(o) regularmente, e mova-se mais e melhor.

Esperamos tê-la(o) ajudado com esta informação. Caso necessite de ajuda não hesite em marcar uma consulta (Quiroativação). Não deixe que a sua coluna afete o seu bem-estar.


Aviso Legal:

A informação disponibilizada não representa uma prescrição. Deve consultar um profissional licenciado na área clínica antes de iniciar um programa de exercício e ser supervisionada(o) por um técnico de exercício físico ou terapeuta devidamente qualificado.

126 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Post: Blog2_Post
bottom of page