top of page

As rotações que podem ajudar a manter a coluna mais saudável



A coluna vertebral, além de ter a capacidade de suporte, foi desenhada para permitir movimento. E se, como tudo o que é desenhado para se mover, deixar de o fazer, essa capacidade acabará por se perder, no tempo, e outras consequências poderão surgir, tais como dor ou diminuição da capacidade funcional.

Mas a boa notícia é que pode ser ativa(o) em implementar soluções mais conscientes para a sua saúde. Quanto mais e melhor se mover mais será capaz de maximizar o seu potencial de movimento, em segurança e com eficiência.

Cada articulação têm uma amplitude de movimento específica. O máximo de amplitude que cada articulação consegue atingir, chama-se flexibilidade. A amplitude que consegue atingir quando produz força e controla o movimento (controlo motor) de forma ativa e por si, chama-se mobilidade. Nem sempre é possível obter movimento em todas as amplitudes articulares e, se tiver dor, o sistema nervoso central vai reduzi-la ainda mais, especialmente em movimentos com carga, de forma a mantê-la(o) segura(o).

A sugestão da QuiroAtivação é sempre que se movimente todos os dias e que viva sem dor, por isso, deixa uma sugestão de movimento consciente: rotações articulares controladas.


O que são as rotações articulares controladas?


Esta técnica de mobilidade permite utilizar ativamente o sistema muscular e neurológico para a produção de movimentos de rotação, na máxima amplitude possível, de forma a estimular novas amplitudes e adaptações articulares. E, simultaneamente, dar indicações ao sistema nervoso central que já é possível e seguro aceder a tais amplitudes com consciência e sem dor.

Imaginando, por exemplo, a sua coluna: deve desenhar um círculo levando-a a todas as possibilidades de movimento [flexão (inclinação do tronco à frente), extensão (inclinação do tronco atrás), rotação (a ambos os lados) e inclinação lateral]; a cada repetição é necessário ir a esse círculo máximo de rotação e, se possível, realizar as rotações em círculos maiores. A QuiroAtivação deixa-lhe um vídeo a explicar como pode fazê-lo, já neste momento.


Porque esta técnica tem de ser bem executada?

Porque se for fácil, fizer de forma rápida e não intencional, não terá os resultados que espera e não terá aproveitado o tempo dedicado ao treino.


O que precisa de acontecer para obter resultados?


É necessário sentir os músculos a produzir tensão durante todo o movimento: Tensão baixa se inserida numa rotina matinal; tensão moderada se inserida no aquecimento de treino; tensão elevada se fizer parte do treino ou se já sentir facilidade em intensidades mais baixas.

  • Realizar as repetições na amplitude máxima, e se possível, ir aumentando a cada repetição;

  • Foco, intenção e concentração nesta tarefa específica - mindfulness;

  • Respiração lenta para facilitar o processo; se sentir alguma posição com maior restrição ou com menos fluidez, é sugerido parar, realizar uma inspiração e na expiração continuar o movimento.



Porque tem de ser um movimento tão isolado?


Porque, muitas das vezes, o corpo é inteligente e arranja formas de conseguir realizar movimento, mas com ajuda de outros grupos musculares. É necessário isolar e permitir uma aprendizagem desta nova amplitude articular específica, sem compensações. Para depois integrar nos movimentos do dia a dia, ou no treino, com mais eficiência.



Quais os benefícios desta prática?

Melhora a resiliência articular – potenciar a funcionalidade do treino e diminuir risco de lesão;

Promove o alívio de dor e reduz os sintomas de stress refletidos no corpo;

Melhora a consciência corporal e otimiza a coordenação motora;

Aumento da estabilidade, força e flexibilidade;

Eficiência temporal – se fizer esta técnica com grande foco, consciência e intenção, terá otimizado os seus resultados sem despender muito tempo, reservando esta economia temporal para se mover de outra forma ou treinar outra capacidade física;

Não necessita de muito espaço ou equipamento, podendo realizá-la como uma rotina de mobilidade matinal, pausa entre o trabalho ou como aquecimento antes do treino.


Está nas suas mãos, continuar o trabalho de cuidar do seu corpo, a partir do momento em que sai no gabinete da QuiroAtivação. Um trabalho contínuo e em parceria com outros profissionais da área da saúde vai fazer a diferença.



Seja ajustada(o) regularmente, e mova-se mais e melhor.


Esperamos tê-la(o) ajudado com esta informação. Caso necessite de ajuda não hesite em marcar uma consulta (Quiroativação). Não deixe que a sua coluna afete o seu bem-estar.


Aviso Legal:

A informação disponibilizada não representa uma prescrição. Deve consultar um profissional licenciado na área clínica antes de iniciar um programa de exercício e ser supervisionada(o) por um técnico de exercício físico ou terapeuta devidamente qualificado.

166 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo